quarta-feira, 30 de setembro de 2015

Resolvendo em fim o Triângulo de Posição - 30 ótimos desenhos para ajudar você a entender a navegação astronômica 30






RESOLVENDO O FAMOSO TRIÂNGULO DE POSIÇÃO PARA DETERMINAR, EM FIM, NOSSA POSIÇÃO EM ALTA* MAR

Para resolver o triângulo de posição, é necessário conhecer 2 lados e o ângulo formado entre eles. Ademais, conforme mencionado, resolve-se o triângulo assumindo-se uma posição (geralmente a posição estimada do observador no instante de medição da altura do astro). Assim, tornam-se conhecidos os seguintes elementos
do
triângulo de posição:

– Colatitude (c = 90° – je)
– Distância Polar do Astro (p = 90° ± Dec*)
– Ângulo no Pólo do Astro (t1W = AHL* ou t1E = 360° – AHL*)

Desta forma, conhecem-se 2 lados (colatitude e distância polar) e o ângulo formado entre eles (ângulo no pólo). Pode-se, então, calcular os 2 outros elementos do triângulo que nos interessam:

– Ângulo no Zênite (Z)
– Distância Zenital (z)

Com estes elementos, obtêm-se o Azimute Verdadeiro (Az) do astro (a partir do Ângulo no Zênite) e a altura calculada (ae) do astro (a partir da distância zenital).

extrato do livro 
NAVEGAÇÃO, CIÊNCIA E ARTE 
de Altineu Pires Miguens

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seus comentários, críticas ou elogios farão meu blog evoluir. Obrigado por participar.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...