domingo, 1 de janeiro de 2017

Vendée Globe - Feitiço indígena para proporcionar bons sonhos às crianças - 56° dia






- Neste 54º dia da hercúlea odisseia da Vendée Globe destaco a sábia fala do filósofo dublê de velejador solitário Eric Bellion, que tive o imenso prazer de conhecer e entrevistar em Itajaí, ano passado.

- Ele disse o seguinte durante a Vacation Radio de hoje:


« Mon plus grand vœu personnel pour l’année 2017 serait bien sûr de finir le Vendée Globe. Il y a beaucoup de chances que l’aventure se termine bien aux Sables... mais aussi beaucoup de chances qu’elle s’arrête avant. Je mesure la difficulté du challenge. Chaque jour passé est une victoire ! »

- Vou traduzir livremente pra vocês só a última frase.

- Cada dia que passa é uma vitória.

- Bons ventos Eric Bellion.

- Estou torcendo pra você e seu belo veleiro cheguem incólumes a Sables d'Olonne.

- Enquanto isso em Cabo Frio estava eu enfeitando a "Estrela d'Alva" para a festa de passagem do ano, quando tive o imenso prazer de reencontrar o velejador, professor e psicólogo Aurélio, que disse-me algo incrível.

 - Disse-me que a instalação minimalista em que eu estava transformando a Estrela* parecia um feitiço indígena para proporcionar bons sonhos às crianças.

- Que maravilha de associação de ideia, não amigos?

- Bons ventos e feliz ano novo pra você, amigo Aurélio, mais todos os leitores desse blog.

Fernando Costa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seus comentários, críticas ou elogios farão meu blog evoluir. Obrigado por participar.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...