quinta-feira, 1 de setembro de 2016

Meu Deus! Meu Deus! Que horror!



- Pergunta importante para a amiga leitora que é carioca?

- Já ouviu algum discurso do oceanógrafo David Zee?


- Não?


- Que tal esse aqui em que ele faz uma radiografia verbal da baía de Guanabara, que já foi um pedaço de paraíso e "recentemente" transformou-se em inferno, por culpa da incapacidade crônica dos prefeitos do Rio de Janeiro de preservarem esse precioso patrimônio ecológico.

- Porque só dos prefeitos?


- Porque não escrevo, por culpa da população do Rio de Janeiro, que transformou uma das baías mais lindas do mundo numa enorme bacia cheia de imundícies?


- Olhando pra atual face obscura da baía de Guanabara, lembro-me dos versos do poeta Castro Alves: "Que cena infame e vil... Meu Deus! Meu Deus! Que horror!   


- Obrigado amigo ER*, por ter-me falado do oceanógrafo David Zee. 


Fernando Costa


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seus comentários, críticas ou elogios farão meu blog evoluir. Obrigado por participar.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...