sexta-feira, 13 de junho de 2014

Se não puder vencê-los, junte-se a eles?... - NEWS do mês de junho 4




 Recife, Pernambuco, Brasil - junho de 2014 - foto de Fernando Costa


- Boa noite amigas e amigos do oceânico serial-blog MAR + MEIO AMBIENTE + BARCO À VELA.
  
- Cá estou eu em Recife, Pernambuco, acreditem se quiserem, envolvido com a Copa do Mundo de Futebol, eu que sou apaixonado por
Vela.

- Como costuma dizer minha querida avó Balbina, "se não puder vencê-los, junte-se a eles."

- Vi o jogo de estreia do Brasil contra a Croácia e gostei do jogo.

- E vocês?

- Gostei do jogo, mas dele teria gostado dez vezes mais, se a seleção brasileira de futebol, tivesse sido treinada da maneira ideal.

- Qual?

- Trata-se de uma fantasia minha.

- Eu só queria assistir jogos da Copa do Mundo, disputados por equipes, cujos jogadores tivessem jogado juntos, há pelo menos quatro anos e treinado no mínimo 12 horas por dia, todos os dias.

- Sim, sim, foi isso mesmo que eu escrevi e você leu, amigo leitor.

- Eu disse 12 horas por dia de treinamento, todos os dias, como os artistas do "Cirque du Soleil" costumam fazer.

- Também queria só ver em campo, jogadores que jamais atrasassem a bola.

- Que não fizessem faltas propositais.

- Que jamais jogassem propositadamente ou acidentalmente a bola pra fora do campo.

- Que não fingissem faltas inexistentes.

- Que não perdessem o ritmo da partida durante o segundo tempo do jogo.

- Que passassem sempre, sempre, eu disse sempre, bem rápido a bola, em vez de prende-la. Aliás o nome futebol é um equívoco, o nome correto dessa guerra disfarçada de esporte, deveria ser passa-a-bola e não futebol. Futebol é vago, a essência desse jogo é passe-a-bola.

- Que limitassem a posse de bola a brevíssimos dez segundos.

- Que não perdessem pênaltis por falta de habilidade.

- Que tivessem um repertório de 100 jogadas ensaiadas diferentes, mas que fossem capazes de inventar 1000, durante cada novo jogo.

- Que jamais desrespeitassem o juiz.

- Que corressem sem parar os 90 minutos do jogo.

- Que jamais se envolvessem em brigas.

- Que não cuspissem na cara dos adversários.

- Que não xingassem a mãe do juiz.

- Que não dessem cotoveladas, nem rasteiras, nem caneladas, nem joelhadas nos adversários.

- Que jamais entrassem de sola pra quebrar perversamente o pé ou a perna do adversário.

- Que não cometessem pênaltis e que quando sem querer os cometessem não fingissem inocência.

- Em fim que não agarrassem, nem puxassem os culhões (perdão os testículos) dos adversários.

- Só isso.

- Pedi demais?

Fernando Costa
 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seus comentários, críticas ou elogios farão meu blog evoluir. Obrigado por participar.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...